Deputado Estadual Durval Ângelo

Nossa Contagem

A- | A+



Má notícia! Contagem fecha 6.000 postos de trabalho de carteira assinada em 2014; é o quinto pior resultado do Brasil


A situação de Contagem é complicada porque o que aconteceu na cidade em 2014 não foi uma desaceleração da geração de empregos, como aconteceu no Brasil, mas a perda forte de postos de trabalho de carteira assinada. Em 2014 foram fechados na cidade 6.001 postos de trabalho, uma mudança drástica em relação a 2013, quando Contagem, mesmo com a desaceleração para 6.908 empregos, foi a cidade que mais gerou empregos em Minas, como divulgou corretamente o governo municipal. Contagem, em 2014, teve o quinto pior resultado dentre os 5.570 municípios brasileiros, ficando atrás apenas de Ipojuca, em Pernambuco (-22.381), Três Lagoas, no Mato Grosso do Sul (7.223), São Bernardo do Campo, em São Paulo (-7.223) e Manaus, no Amazonas (-6.485). 

Contagem fechou 6.001 vagas em 2014

Geração de empregos em Contagem em 2014
Total de empregos gerados – CAGED ......................... -6.001
*Comércio .......................................................................  +867
*Indústria de transformação............................................ -1.243
*Serviços ..........................................................................-4.585
*Construção civil ..............................................................-1.083
*Outros setores da economia............................................    +43

Como se vê, o fechamento de postos de trabalho em Contagem, em 2014, foi liderado pelo setor de serviços, que, sozinho, teve uma geração negativa de -4.585 postos de trabalho. O saldo da indústria também foi negativo em -1.243 postos de trabalho. A construção civil também apresentou resultado negativo: -1.083 empregos. Os números de postos de trabalho só foram positivos no comércio, com 867 novos empregos, muito abaixo do verificado em anos anteriores.